Inauguração do Centro Intergeracional (Creche e CATL) na freguesia de Ponta Garça - Azores Today

Últimas

sexta-feira, 7 de fevereiro de 2020

Inauguração do Centro Intergeracional (Creche e CATL) na freguesia de Ponta Garça



A inauguração do Centro Intergeracional de Vila Franca do Campo, localizado na Rua da Saudade, na freguesia de Ponta Garça, teve lugar na quinta-feira, 6 de fevereiro.
Nesta primeira fase, o Centro Intergeracional – um investimento de cerca de dois milhões de euros do Governo Regional, em parceria com a Santa Casa da Misericórdia de Vila Franca do Campo – está preparado para integrar uma creche com capacidade para 42 crianças e um centro de atividades de tempos livres capaz de corresponder às necessidades de 50 utentes.
Na cerimónia de inauguração, o Presidente do Governo Regional assegurou que a segunda fase vai contemplar um centro de dia, mas também um lar de idosos.
“Este investimento prevê a construção de um centro de dia, mas gostaria de anunciar que já dei orientações à Secretária Regional da Solidariedade Social no sentido de se refazer este projeto para contemplar a criação, na Ponta Garça, de um lar de idosos, com capacidade para 25 utentes”, disse Vasco Cordeiro.
Neste momento, o projeto está a ser revisto para contemplar a criação do lar de idosos e já foram iniciados contactos para que, no que se refere à área de implantação desta valência, se possa contar com o espaço necessário para esta infraestrutura.
O Presidente do Executivo Regional disse esperar que, até final deste ano, esteja tudo concluído desse ponto de vista para que, no próximo ano, possa arrancar a obra de construção do centro de dia e do lar de idosos deste centro intergeracional.
Por sua vez, o Provedor da Santa Casa da Misericórdia de Vila Franca do Campo, Lucindo Couto, considerou a infraestrutura uma mais valia para a freguesia de Ponta Garça e para o Concelho de Vila Franca do Campo, reconhecendo que “tal obra não seria possível sem o apoio, envolvimento e dedicação do Governo Regional dos Açores”.
O Provedor afirmou ainda que “é de inteira justiça destacar o contributo” dado pelos provedores que o antecederam, o Dr. António Cordeiro e o Dr. Ricardo Rodrigues (atual Presidente da Autarquia de Vila Franca do Campo), “uma vez que o Centro Intergeracional que agora se disponibiliza à população teve o seu início e desenvolvimento no decurso dos seus mandatos”.
“O mérito é, como se vê, de muitos e não exclusivamente nosso”, frisou.
GCCMVFC
Fotos: CMVFC e GACS.

Sem comentários:

Publicar um comentário