Protesto - Azores Today

Últimas

sábado, 30 de março de 2019

Protesto

Na sequência do diferendo entre a direcção regional do PSD/A e a direcção nacional do partido, Rui Rio declarou esta semana que os votos alcançados nas últimas eleições europeias pelo PSD nos Açores não foram “uma fortuna”, procurando, assim, justificar a sua decisão em não atribuir um lugar imediatamente elegível ao nosso candidato na lista nacional.
Conhecida a afirmação de Rio, não se viu ninguém da direcção regional do PSD/A reclamar de forma veemente contra tal desconsideração. Nem mesmo José Bolieiro, presidente do Congresso, ou Berta Cabral e A. Ventura, deputados à A. República, esboçaram qualquer atitude. Os dois últimos ficaram certamente bloqueados pelo facto de, quando voltarem a ser candidatos a deputados da República, quererem ser aprovados pelos órgãos nacionais do partido e fazer campanha eleitoral para se elegerem, mediante, claro está, o pedido do voto dos açorianos no PSD de Rui Rio.
Como não compactuo com silêncios convenientes, lanço daqui o meu protesto pelo desprezo que o presidente do PSD nos votou com tal afirmação.

Pedro Nascimento Cabral

Sem comentários:

Publicar um comentário