Em março no Teatro Micaelense - Azores Today

Últimas

sexta-feira, 1 de março de 2019

Em março no Teatro Micaelense

No dia 2 de março regressa ao Teatro Micaelense a folia do Carnaval, com mais uma edição, já esgotada, do Baile de Máscaras.

No dia 9, marcando o início da quaresma, o Coral De São José apresenta o icónico Requiem em Ré menor, K. 626, de Wolfgang Amadeus Mozart, uma das mais memoráveis obras da história da música. A acompanhar o Coral estará a Sinfonietta de Ponta de Delgada. O concerto, dirigido por Luís Filipe Carreiro, conta com a participação dos solistas Lúcia Ribeiro (soprano), Mariana Sousa (alto), Marios Maniatopoulos (tenor) e José Corvelo (baixo).

A 14, regressam as Noites de Cineclube, em parceria com o 9500 CINECLUBE. O filme a exibir é Cabaret Maxime de Bruno de Almeida. Coproduzido entre Portugal e os EUA, este policial inspira-se vagamente na história do verdadeiro Cabaret Maxime, sala lisboeta que foi obrigada a fechar portas em 2011, e conta com as interpretações de Michael Imperioli, Ana Padrão, David Proval, John Ventimiglia e Drena De Niro.

No dia 16, sobem ao palco os The Gift, com a digressão Primavera / Verão, um registo mais intimista do que aquele a que nos têm habituado, para um concerto com o patrocínio da Açoreana Seguros.

A 23, o Teatro Meridional apresenta “O Senhor Ibrahim e as Flores do Corão”, uma encenação de Miguel Seabra, a partir do texto de Eric-Emmanuel Schmitt.

No dia 26, realiza-se mais uma sessão de Leituras Dramatizadas, em parceria com o Instituto Cultural de Ponta Delgada e a Fundação Inatel. O texto escolhido para esta sessão é “Chove Sempre Em Agosto”, de A. Branco.

A 27, Dia Mundial do Teatro, às 18h00, inaugura “Sociedade Teatral Micaelense – uma história contada através de volantes”, uma mostra documental, em parceria com a Biblioteca Pública e Arquivo de Ponta Delgada, sobre a instituição responsável pela criação do Teatro Micaelense. À inauguração seguir-se-á um momento musical, com a participação dos alunos do professor Tiago Dias, do Conservatório Regional de Ponta Delgada. Serão apresentadas obras de Botelho Leitão, Carlos Seixas, C. Debussy, J. Haydn e W. A. Mozart.

No dia 30, o Estúdio de Dança de Ana Cymbron apresenta-se com todos os seus alunos, numa interpretação do bailado “La Fille mal gardée”, uma coreografia de Jean Dauberval, com música de Hérold-Lanchebery.

Os bilhetes podem ser adquiridos na bilheteira do Teatro Micaelense ou na BOL.

Fonte: Teatro Micaelense

Sem comentários:

Publicar um comentário